7 de mai de 2008

Hoje é mais um dia. Mais um? Puxa, meu passaporte tá valendo mesmo...rs...

Meus queridos amigos:

Obrigada por compartilharem comigo, meus novos dias...

Já estou ficando a Letícia de sempre, graças a Deus. Brabinha, às vezes, louca prá fazer tudo o que estiver ao meu alcance, falando pelos cotovelos (e deixando a boca ainda mais seca - nossa , esta boca tá demorando prá voltar ao normal...rs..), doida prá saber das novidades, compartilhar os churrascos com as amigas, sair, dar voltinhas pela cidade, passear, passear, passear....

Ótimos sinais! Bem que a santa dra. Ligia disse que iriam passar os dias e tudo ficaria melhor. Sabem que é assim mesmo? Como qualquer outro evento pesado na vida da gente; quando chega, vira um tsunami (?) mas vai perdendo as forças depois do estrago. É só náo se abater muito e virar contra a maré. Agarrar-se a Deus, senhor de todo o mundo...

Ainda estou mais prá lá do que prá cá, mas voltando a vontade de sair do marasmo, o resto vem como resultado...

Ontem falei um monte com a Ivete, que tá dodói, que pena. Queria ela por perto...Deixa ela melhorar. Sei que virá prá rirmos juntas...

Mas tive a visita da grande amiga Catarina que me deixou muito feliz, pois iniciamos finalmente nosso projeto-surpresa. Cresceremos ainda mais, amiga. Temos muito o que fazer... Tua agenda ficará cheia, logo, logo..

Falei com a Sônia, linda e excelente amiga, que todos os dias deixa um recado gostoso aqui debaixo das minhas divagações... É, querida amiga. Temos um passado relativamente curto, mas cheio de histórias de outros tempos!!! Sempre admirei o carinho e respeito generalizado das pessoas que te conheciam antes de mim. Qdo entrei como psicóloga da empresa, náo estavas mais após uns 30 anos de trabalho. Mas deves ter escutado os clamores daquele povo que, sem saber que voltarias, falava só coisas boas a teu respeito. Isto é que é ser uma grande mulher e profissional, aquela que deixa marca!!!

Ficar na cama, olhando pro teto, contando os minutos, esperando o tempo passar, comendo pouco (ah, isto náo mudou muito...rs), bebendo pouco líquido (ui, hoje tentei tomar um suco de laranja em caixinha, mas foi horrível, infelizmente - gosto ruim...lamentei, foi dado com tanto carinho pela minha família que náo sabe mais o que fazer prá ver se melhoro no apetite. Era de uma das melhores marcas, todo mundo gosta, todo mundo gostaria..rs, mas náo consigo tomar nada diferente de água - que tbém já foi mais difícil), tudo isto é muito chato. Tou cansando... Se estou cansando é bom sinal, sinal de que preciso reagir...

Agora está chegando meu gatão que ligou de dentro do supermercado perguntando o que eu queria comer. Disse prá ele trazer pães, um queijo amarelo, quem sabe... Será que serei uma boa companhia agora no lanchinho da tarde??? O Jorge é incansável e maravilhoso...

Nem sei o que dizer. Ele tá chegando e precisamos trocar um abraço gostoso...

beijos


Nenhum comentário: