21 de fev de 2008

Você me trouxe a paz



Obrigado não é bem a palavra que eu queria lhe dizer.
Eu queria poder encontrar outra forma de lhe falar o quanto você foi e é importante para mim e um simples obrigado não possibilitaria isso.
Um dia eu vi a tristeza chegar de mansinho, o vento bater na janela, a chuva cair no telhado...
e eu tive medo!
Parecia que tudo a minha volta estava errado, que o mundo estava virado, eu não tinha mais aquela alegria de viver, que geralmente percebemos nos olhos das crianças.

Então, eu te encontrei... e foi tão estranho porque você sempre esteve ali...
mas só então eu te senti e melhorei.
O sorriso aos poucos foi ficando nos meus lábios, cada vez que eu te tinha do meu lado.
Hoje eu sei que não importa o tamanho da tragédia, se você tem um amigo.
E amigo não é só aquele que mora na outra casa, que você conheceu no trabalho, na escola.
Amigo também é aquele que você tanto ama, seu namorado ou namorada, sua mãe, seu pai, avô... amigo, pra mim, é você!(ad)

Um comentário:

A Flôr disse...

Oi! :)

É tudo isso mesmo! EU TENHO VOCÊ COMO UMA DOCE E TERNA AMIGA! :)

A distância que nos separa... não separa nossas almas não!

Abração apertado em Ti da Flor de Portugal